Mudança de comportamento e atitude dos filhos causa estranhamento nos pais

Mudanças físicas/corporais: o corpo deixa de ser infantil para tornar-se adulto, surgem os pelos no corpo e no púbis, o aparelho reprodutor passa a funcionar, a voz dos meninos engrossa, crescem os seios nas meninas; o crescimento é acelerado e eles ficam meio desengonçados, desajeitados, até porque tem dificuldade em ter uma noção exata de seu corpo que muda a cada dia. As variações hormonais são grandes, o que provoca variação no humor, passando da extrema alegria para a tristeza num piscar de olhos.

Mudanças de comportamento: os filhos, que antes eram dóceis, passam a ser questionadores, choram, rebelam-se, tem atitudes e comportamentos estranhos segundo o conceito dos pais. Passam a andar em bandos, grupos, “tribos” e valorizam mais o seu grupo do que a própria família. Refugiam-se no seu quarto, aparentam estar tristes, mas é um momento de ficar só para refletir acerca destas mudanças e para a própria definição de si mesmo. A adolescência é uma fase da vida na qual ocorrem muitas mudanças: surgem alterações no corpo, que deixa de ser infantil para tornar-se adulto e transformações de comportamento que servem para a construção da identidade, momento em que o adolescente deixa de lado os valores dos pais e os questiona para criar seus próprios valores que, no final, podem vir a ser idênticos aos dos pais assim como podem ser totalmente divergentes dos valores paternos ou uma mistura entre os valores semelhantes e os divergentes.

Exibições: 12

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede de Jovens Comunicadores do Semiárido Mineiro para adicionar comentários!

Entrar em Rede de Jovens Comunicadores do Semiárido Mineiro

Este deve ser um espaço de interação e troca de experiências entre os participantes da Rede de Jovens Comunicadores do Semi-árido Mineiro.

© 2019   Criado por Oficina de Imagens.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço