Será que a Educação Pública sempre esteve em crise no Brasil?

Como professor na rede pública estadual de educação de Minas Gerais, no momento em que está deflagrada “mais uma parada-greve” dos profesores e, profissionais da educação no Estado, aliás, em vários Estados; não poderia deixar de apresentar considerações sobre as afirmações e debates que o relato da professora Amanda Gurgel, veiculado recentemente a nível nacional por emissoras de rádio e televisão...; Amanda Gurgel, professora de quem faço questão de pronunciar, escrever e promover o nome, por representar com afinco e propriedade, como ela bem diz, a classe que dedica sua vida à contribuição para a formação de melhores cidadãos e cidadãs desse país, e, por que não dizer, desse mundo, e que, muitas vezes tem que ser a "classe redentora"; nem por isso, recebe o valor que merece.
Não é necessário falar muito ou bonito para trazer à tona e memória as discussões e debates oportunizados quando o assunto é a situação precária por que passa e, aliás, sempre esteve passando, a educação de norte a sul do país.
Não só a educação, mas, nesse país, tudo vai de mal a pior…um reflexo dessa triste realidade é o atual cenário político com a composição que podemos observar…
Vamos unir nossas vozes à de Amanda, pessoa humilde, valente e, defensora dos legítimos interesses daqueles de quem se espera a “redenção do Brasil”…
para exigir uma nação melhor, aliás, não só uma nação, mas, um lugar melhor, qualquer que seja, só será possível, através da educação, educação de qualidade.
Aliás, em um país onde, o próprio Ministério da Educação não consegue “acertar”…; sugiro que, para reforçar o manifesto, seja iniciado um abaixo-assinado, ou, porque não, dezenas, centenas, milhares, milhões de abaixo-assinados entre os professores, por atenção, respeito, dignidade,enfim…por tudo o que a gente precisa e, não é muito exigir…

Em atitude de protesto e manifesto nacional, em forma de adesão às solicitações  nacionalmente apresentadas, vamos aproveitar o momento para nos organizar cada vez mais.
O povo precisa saber o “porque” das reivindicações dos professores.
Na história, talvez seja esse um dos melhores momentos que a educação está tendo para se fazer conhecer; para mostrar para o Brasil e o mundo a “verdadeira realidade” do professor no dia-a-dia de sala de aula e, da educação, de uma maneira geral.

O professor convive com situações que “só Deus sabe e, não seria capaz de duvidar”.
Bom, deixo, também aqui, meu desabafo e, por fim, coloco à disposição o contato para, quem tiver interesse, continuamos conversando sobre o assunto e, quem sabe, mobilizando e articulando virtualmente o abaixo-assinado.
Valos lá…sejamos “livres”…”livres” ...para não aceitar…”livres” para nos manifestar publica e abertamente e, falar o que pensamos… "sem sensura"...

Att.
Deivson.
Professor
Catuji/MG
E-mail: abreuadmc@yahoo.com.br

Exibições: 30

Responder esta

Respostas a este tópico

Pessoal, mais uma vez, venho à rede para colocar em discussão e debate, matéria relacionada às condições precárias enfrentadas pelo professorado brasileiro...

O assunto que é batante polêmico está gerando discussão e grande repercussão por tudo o Brasil visto que, em alguns Estados da Nação, os professores estão mais uma vez paralizados por ocasião da greve em busca de melhores condiçoes para o exercício de suas atividades.

 

Bom, vamos contribuir com as discussões...

O que os alunos pensam a respeito de tudo isso?

E a famílias, enfim, a sociedade o que pensa?

Att.

Deivson.  

Olha e um assunto de bastante polêmica mais pense bem o governo nao que pagar os professores

 o dinheiro  e direito do professor e de lei  então esta acontecendo  um desrespeito do governo aos

 estudantes das escolas publicas.

Porque no ano passado aqui em itaobim  teve greve e muintos alunos e alunas ficaram prejudicados.


Deivson Vieira de Abreu disse:

Pessoal, mais uma vez, venho à rede para colocar em discussão e debate, matéria relacionada às condições precárias enfrentadas pelo professorado brasileiro...

O assunto que é batante polêmico está gerando discussão e grande repercussão por tudo o Brasil visto que, em alguns Estados da Nação, os professores estão mais uma vez paralizados por ocasião da greve em busca de melhores condiçoes para o exercício de suas atividades.

 

Bom, vamos contribuir com as discussões...

O que os alunos pensam a respeito de tudo isso?

E a famílias, enfim, a sociedade o que pensa?

Att.

Deivson.  

Responder à discussão

RSS

Este deve ser um espaço de interação e troca de experiências entre os participantes da Rede de Jovens Comunicadores do Semi-árido Mineiro.

© 2017   Criado por Oficina de Imagens.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço