Audiência Pública discute Meio Ambiente e criação de Conselho Municipal em Franciscópolis

No dia 26 de Novembro aconteceu em Franciscópolis uma audiência pública que teve como pauta de discussão "Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável uma responsabilidade de todos".

Algumas ações foram estabelecidas em caráter de urgência, como: armazenar o máximo de água possível nesse período chuvoso, sendo que o ideal é enxurrada zero; ter um diagnóstico completo da situação de todas as nascentes do município no sentido de criar estratégias de proteção e preservação.

O engenheiro agrônomo, Guilherme Sales, alerta quanto a perfuração de poços artesianos que retiram uma quantidade muito grande de água do lençol freático. Segundo ele, "a criação de barragens de contenção da água das enxurradas é uma forma de devolver pelo ao menos um pouco de água para o lençol freático além de fazer com que a água fique na nossa região".

Ainda existe no município práticas criminosas como as queimadas, o esgotamento de lagoas e córregos, desvios de curso de córregos, não preservação das matas de topo e ciliares, que são fortes agravantes da escassez de água.

Por fim, foi formado um grupo responsável pelo monitoramento do encaminhamento dessas ações imediatas, bem como, estudar a lei municipal e criar o conselho de meio ambiente, num prazo de aproximadamente três meses.

 

 

 

 

 

 

Exibições: 67

Responder esta

Este deve ser um espaço de interação e troca de experiências entre os participantes da Rede de Jovens Comunicadores do Semi-árido Mineiro.

© 2017   Criado por Oficina de Imagens.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço